Logo_neon-degrade
ABRA SUA CONTA

7 dicas para falar melhor em público e vencer seus medos

Time Neon

Para boa parte das pessoas, encarar uma plateia ou grupo maior é uma ideia apavorante, mesmo que seja necessário para avançar na carreira e na vida pessoal. Porém, é possível falar melhor em público e vencer o medo de se apresentar em eventos e reuniões.

Se você já começa a suar frio só de pensar em ser o centro das atenções ou apenas quer ter mais confiança para fazer discursos e apresentações este texto é feito para você! 😉

Pronto para conferir nossas dicas e aprender como falar melhor em público? Então, vamos à leitura.

Como falar melhor em público pode mudar sua vida

Aprender como falar melhor em público não é apenas um capricho, mas um passo necessário para crescer como pessoa e profissional.

Desde a antiguidade, a oratória (a arte de falar bem) é valorizada em todas as culturas.

Para você ter uma ideia, o primeiro manual de discursos persuasivos foi escrito no antigo Egito, Há aproximadamente 4.500 anos, segundo o livro A arte de falar em público (AMGH, 2014).

Ao longo da história, as pessoas mais influentes do mundo sempre foram grandes oradoras. É o caso de Aristóteles, Martin Luther King, Margaret Thatcher, Barack Obama e vários outros líderes e grandes personalidades.

Mas não precisamos ir tão longe para entender a importância de se sair bem nas apresentações e discursos.

Na vida profissional, habilidades como “boa comunicação”, “facilidade nos relacionamentos interpessoais” e “persuasão” são cada vez mais exigidas para conseguir um emprego, uma promoção ou simplesmente ser reconhecido.

Além disso, saber se comunicar claramente em público é fundamental para melhorar sua vida social, fazer contatos, ganhar credibilidade, influenciar pessoas e ter destaque em qualquer área da sua vida.

Por que temos medo de falar em público

Você é uma das pessoas que sofre com um arrepio pela sua espinha só de pensar em falar em público? Não se preocupe, pois você não está sozinho.

Esse pavor de se expor e falar para muitas pessoas tem até nome: glossofobia, uma junção das palavras glosso, que significa língua, e fobia, ou seja, medo.

De acordo com uma pesquisa publicada no XIV Simpósio Internacional de Ciências Integradas da UNAERP (2017), nada menos que 75% da população mundial sofre de glossofobia em algum nível.

Os sintomas mais comuns são:

  • Aumento da frequência cardíaca;
  • Transpiração em excesso;
  • Rigidez dos músculos;
  • Pupilas dilatadas;
  • Boca seca;
  • Voz trêmula e tensa;
  • Congelamento (casos mais graves).

Outra pesquisa realizada pelo jornal britânico Sunday Times em 2015, publicada pela universidade Mackenzie, revelou que os ingleses têm mais medo de falar em público do que da própria morte, doenças e problemas financeiros.

Mas afinal, por que tememos tanto uma apresentação em público?

De acordo com o psicólogo ocupacional e consultor de negócios Gary Luffman, o medo de encarar a plateia vem dos nossos instintos.

Basicamente, nossa mente vê um grupo desconhecido de pessoas como ameaça e entra no modo defensivo, liberando adrenalina no corpo e acelerando os batimentos cardíacos.

Se você tivesse que correr e lutar nesse momento, essa descarga de energia seria ótima. Mas, como você está parado esperando para começar sua apresentação, o efeito é o pior possível: você começa a ficar vermelho, suar e gaguejar.

Felizmente, é possível superar esse medo e controlar a ansiedade com uma boa preparação!

A importância de falar melhor em público na era digital

Aprender como se apresentar em público pode parecer secundário quando estamos nos comunicamos muito mais pela internet do que presencialmente.

Mas a verdade é que a oratória continua sendo essencial na era digital, porque nada substitui a capacidade de argumentação humana.

Em tempos de pandemia, por exemplo, o uso da videoconferência aumentou no mundo todo. Este pode ser visto como reflexo de que não é suficiente trocar mensagens de texto e áudios de voz para ter uma comunicação efetiva.

As pessoas sempre vão precisar desse contato humano e visual para se conectar com o que está sendo dito, mesmo que seja por vídeo.

A diferença é que, ao vez de subir no palco ou falar para uma sala de reunião cheia, você terá que se apresentar em eventos, reuniões, entrevistas, palestras e seminários 100% online - as famosas lives, calls e webinars.

7 dicas de como falar melhor em público e vencer seu medo

Se você quer saber como falar melhor em público de forma simples, rápida e direta, podemos ajudar.

Confira algumas dicas essenciais para ser um bom orador.

1. Vença seu medo e ansiedade

O primeiro passo para aprender como falar bem em público é vencer seus medos e trabalhar seu psicológico. E uma das técnicas recomendadas pelos especialistas é transformar sua ansiedade em um nervosismo positivo.

Isso significa transformar aquela energia negativa que deixa você inseguro na hora de falar em uma energia positiva, prazerosa e entusiasmante.

Para isso, você terá que mudar a chave dos pensamentos de negativos para positivos, como nos exemplos abaixo:

  • Ao invés de pensar “não queria dar essa palestra”, pense “essa palestra é uma grande oportunidade de ganhar experiência e compartilhar minhas ideias”;
  • O mesmo você deve fazer com pensar em: “não sou bom nisso”, trocando para: “ninguém é perfeito, mas vou ficar cada vez melhor nisso se praticar!”;
  • Também, ao invés de pensar “ninguém quer ouvir o que tenho a dizer", pense assim: “tenho um bom tema e estou preparado, é claro que vão se interessar”.

Outra dica é visualizar você mesmo se apresentando várias vezes para que sua mente se acostume com a ideia e entenda como perder o medo de falar em público.

E lembre-se: grande parte do seu nervosismo não será visível ao público, então não se preocupe se o seu coração acelerar e suas mãos suarem, por exemplo.

2. Trabalhe sua voz

A voz será seu principal instrumento para se comunicar com o público e ter sucesso na sua apresentação.

Por isso, é importante que você encontre o tom e altura certa para valorizar sua voz e treine as ênfases na hora de falar as frases.

Experimente seguir estas dicas:

  • Treine leituras, grave e ouça sua voz;
  • Pronuncie as palavras compassadamente, sem redução ou troca de letras;
  • Faça pausas curtas entre as frases (especialmente se estiver em uma reunião online);
  • Esteja atento à pontuação e ao tipo de assunto tratado;
  • Dê entonação ao que diz (sons graves ou agudos nos momentos certos);
  • Não fale alto e nem baixo demais, adeque o volume de sua voz.

Momentos antes da apresentação, também é interessante calibrar sua voz, testar o microfone (se houver) e fazer alguns exercícios de aquecimento como ruídos de “Brrrrrrr”, “Rrrrrrrr” e “Mmmmmm”.

Existem vários tipos desses exercícios vocais disponíveis no YouTube 😉

3. Preste atenção à pronúncia e vocabulário

Uma das maiores preocupações em falar bem em público é superar os vícios de pronúncia e adequar nosso vocabulário.

Isso porque, no dia a dia, nós costumamos “engolir” algumas letras, usar gírias e simplificar palavras - mas esses hábitos podem pegar mal na apresentação.

Estes são os erros de dicção que você deve evitar:

  • Suprimir o “R” e o “S” no fim das palavras (Ex: “fazê” em vez de fazer, “vamo” em vez de vamos);
  • Omitir a semivogal nos ditongos (Ex: “pexe” em vez de peixe)
  • “Num” no lugar de não.

Tudo bem falar assim com as pessoas próximas, mas a apresentação exige uma pronúncia mais correta para transmitir credibilidade = só tome cuidado para não forçar a barra e soar artificial.

4. Treine a expressão corporal

A linguagem corporal também é importantíssima na arte de falar bem em público. Quanto mais você alinhar seus gestos à sua fala, melhor as pessoas vão te compreender e se interessar pelo que você está dizendo.

Comprove colocando estas dicas em prática:

  • Faça um gesto para cada informação importante que disser;
  • Não tenha pressa de voltar à posição normal depois do gesto;
  • Gesticule com os braços sempre acima da linha da cintura;
  • Marque o ritmo de fala com os braços na frente do corpo;
  • Fique relaxado e com uma boa postura na sua posição de apoio;
  • Movimente-se pelo espaço para dar dinamismo à apresentação, quando possível;
  • Capriche nas expressões faciais para associar sentimentos às suas falas;
  • Faça contato olho no olho com seus ouvintes (se for uma plateia grande, passeie os olhos por toda a extensão do público).

5. Cuide da sua imagem

Parte da autoconfiança para falar em público vem da sua imagem pessoal e profissional.

Por isso, é importante cuidar da aparência, escolher uma roupa que deixe confortável e que represente sua personalidade no momento de falar para um grupo.

Lembre-se de se olhar no espelho com atenção antes de qualquer apresentação.

6. Prepare-se, prepare-se, prepare-se

O segredo para aprender como falar melhor em público é saber se preparar com antecedência.

Em primeiro lugar, você precisa dominar o assunto que vai abordar, estudando e praticando o quanto for preciso para isso.

Outro passo essencial é preparar seu material de apoio como slides, anotações e dispositivos. Além disso, também deve conhecer o espaço em que vai falar, o público e o contexto do evento.

Siga estas dicas para se planejar bem:

  • Crie um roteiro completo para basear sua fala, com começo, meio e fim de acordo com o tempo estabelecido;
  • Pratique com amigos, familiares e em qualquer oportunidade de falar sobre o assunto;
  • Grave vídeos de você mesmo se apresentando;
  • Separe os tópicos mais importantes e prepare uma apresentação de slides dinâmica, com pouco texto e muitas imagens e vídeos;
  • Se for se apresentar online, teste todo o equipamento com antecedência e prepare um ambiente iluminado e bem decorado.

7. Conquiste seu público

Por fim, o grande desafio da apresentação será conquistar seu público e despertar interesse no assunto. Para isso, você terá que criar uma conexão emocional com as pessoas e interagir com elas durante a fala.

Experimente começar contando uma história envolvente, provocando uma reflexão, perguntando o que as pessoas acham do assunto ou agradecendo por estarem ali te ouvindo, por exemplo.

Busque também apresentar os problemas e depois as soluções, recapitulando trechos importantes e ligando os pontos para manter seu público sempre atento.

Agora, o tal do “carisma” depende da sua personalidade e não pode ser ensinado.

Se as pessoas te acham engraçado, aproveite e use o humor, se você é visto como uma pessoa gentil, faça elogios ao público, e se veem você como um grande líder, mostre sua credibilidade - o importante é usar o que você tem de melhor para cativar as pessoas.

Entendeu como falar melhor em público e vencer seu medo de plateias? Deixe seu comentário contando se as dicas ajudaram você a se preparar melhor.

Leia mais:

+ Como fazer networking com as pessoas certas e avançar na carreira

+ Como fazer mapa mental para organizar suas tarefas e ideias

+ 7 dicas para desenvolver inteligência emocional nas finanças

Comentários