Logo_neon-degrade
ABRA SUA CONTA

O que são juros abusivos e como saber se a taxa de juros é abusiva?

Ana Gabriela Graças

Se você chegou até aqui, é porque está preocupado sobre o que são juros abusivos e quer entender melhor se o que você está pagando (ou vai pagar) é justo ou não, certo?

O fato é que juros sempre serão cobrados em diferentes linhas de crédito, desde cartões, empréstimos ou até mesmo ao solicitar um empréstimo. Aliás, você sabe quais são todas as taxas de cartão de crédito que você paga? Veja aqui.

Isso ocorre porque quem empresta o dinheiro está se expondo a um “risco” e aquele que precisa do crédito tem que arcar com isso.

Porém, a cobrança de juros abusivos, ou seja, que são acima da média praticada pelo mercado, pode ocorrer durante a contratação sem o tomador do crédito sequer ter consciência disso.

Para te ajudar a não sofrer mais com essas taxas indevidas, aqui vamos te explicar o que são juros abusivos, como saber identificá-los, o que fazer se você estiver pagando taxas excessivas e como evitá-las futuramente.

Confira!

O que são juros abusivos

Juros abusivos são todos aqueles cobrados acima do teto estabelecido pelo Banco Central do Brasil ou muito além da média praticada pelo mercado. Aqui é possível consultar uma relação completa do BC sobre as taxas de juros de diferentes modalidades de crédito.

Como explicamos acima, todo contrato de crédito sofre a incidência de juros, afinal, os juros são a garantia da instituição de que o valor emprestado será devolvido dentro dos prazos estabelecidos.

Porém, é preciso ter atenção se os contratos têm taxas extremamente altas que fogem das normalmente praticadas pela maioria das instituições, .

Em situações como essa é possível recorrer do valor estabelecido e pedir por uma revisão do contrato. Mais adiante explicaremos melhor como esse processo pode ser realizado.

Além disso, essas taxas excessivas muitas vezes são “camufladas” durante a negociação, de modo que se torna difícil identificar se aquele valor é normal ou não no momento da assinatura do contrato.

Como saber se a taxa de juros é abusiva

A cobrança abusiva de juros infelizmente é um problema enfrentando por inúmeras pessoas que precisam de crédito e que não conseguem identificar a tempo se irão pagar uma taxa alta demais.

Quando percebem que os juros são abusivos, o contrato já está assinado e o valor já está saindo do bolso. Por isso, é fundamental conhecer quais são as tarifas praticadas pelo mercado e comparar os valores com aquele que você paga atualmente.

Você pode estar se perguntando: “Mas como identificar juros abusivos?” Para isso, é preciso calcular qual seria a taxa de juros mais adequada para o seu cenário, mas não se preocupe pois existem ferramentas que podem te ajudar nesse processo.

Você pode usar uma calculadora de juros abusivos ou também a Calculadora do Cidadão do próprio Banco Central.

Nela, basta inserir as informações do seu contrato de crédito e depois comparar os índices do resultado mostrado no cálculo do BC com o que está sinalizado no seu documento.

Assim, você poderá ter uma informação mais precisa e confiável se a sua taxa de juros é justa e corresponde ao que o Banco Central estabelece, ou se o seu contrato está sofrendo a incidência de juros abusivos.

O que fazer se você estiver pagando juros abusivos e como evitá-los futuramente

Caso você esteja pagando uma taxa de juros abusiva, uma alternativa é abrir uma ação revisional de juros para reajustar a taxa de acordo com os parâmetros estabelecidos pelo Banco Central.

Além disso, você também pode acionar o PROCON e resolver a questão diretamente com o órgão.

Outra opção é considerar outra instituição para contratar o seu crédito, seja um empréstimo, financiamento ou um cartão.

Veja aqui tudo o que você precisa saber sobre empréstimos.

O mais importante é que você compare os valores com diferentes empresas antes de tomar qualquer decisão, seja a de fazer a portabilidade ou a de fechar um novo contrato.

Além disso, para evitar os juros abusivos em uma negociação, leia atentamente todas as cláusulas do contrato, procure pela informação de quanto será cobrado de encargos e também qual será o Custo Efetivo Total da transação.

Apenas quando você tiver clareza sobre todos esses aspectos é que você deverá considerar dar andamento ao processo.

Algumas empresas escondem essas informações dos consumidores nas letras pequenas de uma propaganda ou entre as cláusulas do contrato, então não tenha pressa para tomar nenhuma decisão até que esses pontos estejam esclarecidos.

Também é importante avaliar se você realmente precisa do crédito ou se é possível recorrer a outras alternativas.

No caso do empréstimo, por exemplo, vale fazer uma reavaliação das suas finanças, colocá-las em ordem e, então, entender se de fato é necessário optar por ele.

Precisa de ajuda? Você pode usar nossa planilha de gastos mensais gratuita para ter mais clareza sobre seu orçamento e conseguir se organizar melhor. São duas versões: uma simples e uma simplificada, basta escolher qual você prefere.

BAIXAR PLANILHA COMPLETA

BAIXAR PLANILHA SIMPLIFICADA

De qualquer forma, saiba que o problema dos juros abusivos é solucionável e com as informações necessárias em mãos você tem o poder de reverter qualquer cenário que seja prejudicial para o seu bolso.

O importante é não se deixar enganar por propostas com juros extremamente altos, mesmo que pareça que o crédito solicitado “valha o preço”.

Pesquise, compare, analise com cautela e não se deixe levar pela emoção. E, cima de tudo, recorra caso identifique que os juros são abusivos. É seu direito e você deve lutar por isso.

 

Agora que você sabe o que são juros abusivos e como saber se taxa de juros é abusiva, conta para a gente nos comentários se você já parou para avaliar com calma se seus contratos de crédito têm uma cobrança justa ou não.

ilustração neon mulher cuidando do dinheiro com app

Cuide bem do seu dinheiro. Experimente o app Neon!

download app neon android
download app neon ios

Comentários