Logo_neon-degrade
ABRA SUA CONTA

Serviço de iniciação de pagamento chega para agilizar ainda mais o Pix

Time Neon

O serviço de iniciação de pagamento chegou para facilitar ainda mais as transações com o Pix.

Se já é ótimo fazer pagamentos em segundos no app do seu banco ou fintech, imagine não ter nem que abrir o aplicativo para completar a transação?

Com os iniciadores de pagamentos, você poderá pagar suas compras online diretamente no site da loja, fazer transferências por apps de mensagens e redes sociais, pagar o pedido diretamente no app de delivery e muito mais.

Neste post, você vai entender como funciona a iniciação de pagamentos e quando começa a valer o serviço. Mostraremos aqui:

 

Ficou curioso?

Continue lendo e fique por dentro de mais essa novidade no sistema financeiro.

O que é o serviço de iniciação de pagamento?

O serviço de iniciação de pagamento permite que empresas (financeiras ou não) iniciem uma transação financeira de forma independente.

Essas organizações são chamadas de PISPs (Payment Initiation Service Providers, ou Iniciadores de Transação de Pagamentos, em português), e podem ser lojas online, emissoras de cartões ou mesmo apps de mensagens.

Antes da criação dessa solução, somente bancos, fintechs e outras instituições financeiras que mantêm contas transacionais (como uma conta corrente ou conta de pagamento) podiam iniciar pagamentos.

Com a chegada do PISP, o caminho para os pagamentos ficou mais curto, pois o consumidor tem a opção de iniciar a transação no próprio sistema da empresa, em vez de ter que abrir o app do banco no qual tem conta.

Por exemplo, você pode fazer uma compra em um e-commerce e pagar na plataforma, sem precisar abrir o app do banco, desde que autorize o acesso à sua conta no provedor de pagamento.

Outro exemplo é a possibilidade de fazer uma transferência dentro de um aplicativo de mensagens, iniciando a transação na própria conversa.

O serviço de iniciação de pagamentos foi criado em 2018 a partir da Diretiva de Serviços de Pagamento Revisada (PSD2) da União Europeia.

No Brasil, a figura do iniciador de pagamentos foi criada pelo Banco Central do Brasil (BC) no final de 2020 e regularizada por meio da Resolução nº 118 de julho de 2021, que atualiza as regras do Pix para permitir a participação dessas novas instituições.

Como funciona o iniciador de pagamentos do Pix

O iniciador de pagamentos do Pix é um novo tipo de instituição que terá autorização do BC para executar pagamentos com Pix em nome dos clientes.

As empresas que se tornarem iniciadoras poderão movimentar dinheiro de uma conta para a outra a pedido do usuário — algo que só instituições financeiras e credenciadoras podiam fazer.

Dessa forma, você poderá fazer um Pix diretamente no sistema da empresa, sem precisar copiar o QR Code e acessar o app do seu banco, por exemplo.

Você só será redirecionado para o aplicativo da sua conta para autorizar a operação, e todo o resto será feito no site ou app do iniciador. Isso significa um enorme ganho de tempo e mais agilidade nos pagamentos e transferências com Pix.

Para atuar como iniciadora de pagamentos com Pix, a empresa deve atender aos requisitos estabelecidos pelo BC e ser aprovada para participar do sistema Open Banking.

Por isso, a novidade também marca a integração do Pix com o Open Banking, que vai tornar os pagamentos digitais ainda mais dinâmicos.

Confira as vantagens do Open Banking, o novo sistema bancário.

O que muda ao fazer um Pix?

Para o consumidor, as transações com Pix vão ficar mais práticas e rápidas com o serviço de iniciação de pagamento.

Se antes era preciso copiar um QR Code para fazer um pagamento no e-commerce, por exemplo, agora será possível concluir a transação no próprio site ou app da loja.

Mas é claro que você também terá que autenticar e confirmar a operação no app do seu banco ou fintech, como medida essencial de segurança.

A diferença é que você será redirecionado automaticamente para a tela de confirmação do app e depois encaminhado de volta ao ambiente da empresa, sem precisar abrir outros aplicativos ou mudar de aba.

Lembrando que todos os procedimentos (inserção manual, chave Pix, QR Code estático e dinâmico, e diretamente com os dados do recebedor) poderão ser usados para fazer um Pix por meio dos serviços de iniciação de pagamento.

Para quem recebe, continua tudo igual: o dinheiro será depositado automaticamente na conta em até 10 segundos.

Usos da iniciação de pagamento

O serviço de iniciação de pagamento pode ser usado para facilitar transações em várias situações.

Veja alguns exemplos:

  • Pagamento de compras no e-commerce;
  • Envio de transferências via aplicativos de mensagens;
  • Pagamentos por aplicativos de mensagens e redes sociais;
  • Pagamentos de serviços e assinaturas a partir de apps;
  • Pagamento em app de delivery, compras e transporte.

Exemplo prático

Para entender melhor como vai funcionar o serviço de iniciação de pagamentos com Pix, vamos usar como exemplo um pedido de pizza em um aplicativo de delivery.

Para fazer um pagamento com Pix diretamente na plataforma, você deverá autorizar a conexão do sistema com a sua conta bancária, como no exemplo abaixo divulgado pelo BC:

tabela do banco central sobre o serviço de iniciação de pagamento

Imagem: Divulgação/Banco Central

Como você pode ver, será preciso selecionar a instituição na qual você tem conta e autorizar o compartilhamento de dados, seguindo o procedimento padrão do Open Banking.

Uma vez feito o compartilhamento, não será preciso repetir esse processo — a não ser que você cancele o acesso em algum momento por opção própria.

Depois, você já poderá iniciar o pagamento do pedido diretamente no app, escolhendo o Pix como meio de pagamento, conforme o exemplo abaixo:

explicação do banco central sobre o serviço de iniciação de pagamento

Imagem: Divulgação/Banco Central

Dessa forma, sua compra será processada em apenas três etapas, mantendo as condições de consentimento, autenticação e confirmação que garantem a segurança do pagamento digital.

Há ainda outra possibilidade: usar um iniciador de pagamentos para fazer um pagamento a uma terceira empresa.

Dessa forma, você poderia usar um app de mensagens como o WhatsApp para fazer o Pix para a pizzaria, por exemplo, seguindo o esquema abaixo:

funcionamento do serviço de iniciação de pagamento

Imagem: Divulgação/Banco Central

Nesse caso, o iniciador funciona como uma ponte entre a empresa da qual você está comprando e seu banco ou fintech.

Mas tem um detalhe importante: o iniciador pode cobrar algum tipo de taxa por transação se ele quiser, segundo as regras do BC.

Mesmo assim, a expectativa é que as empresas não cobrem nada pelo serviço, pois o próprio Pix é gratuito pelo app do banco — logo, não faria sentido pagar pelas transações em outro app.

Cronograma do serviço de iniciação de pagamento

O BC definiu um cronograma para a implementação do serviço de iniciação de pagamento no país, de modo que as empresas tenham tempo suficiente para fazer todos os ajustes em seus sistemas e para realizar os testes previstos.

Afinal, as iniciadoras terão que seguir as regras estabelecidas pelo Open Banking para garantir a segurança e regularidade das transações.

Confira o calendário definido:

Fase de implementação

Serviços autorizados

1ª fase (30 de agosto)

Pessoas físicas poderão transferir para outras pessoas por meio de iniciadores de pagamento inserindo manualmente os dados do recebedor

2ª fase (30 de setembro)

Será possível fazer compras pela internet por meio de um iniciador de pagamentos participante do Pix

3ª fase (1º de novembro)

Serão permitidas as transferências entre pessoas via QR Code e agendamentos de Pix por meio do iniciador de pagamento

 

Lembrando que em 30 de agosto também começa a fase 3 do Open Banking, que será marcada pelo início das iniciações de pagamentos e encaminhamento de propostas de operação de crédito.

 

E agora, ficou claro o que é o serviço de iniciação de pagamento e como ele vai funcionar no Pix?

Conta para a gente nos comentários o que você achou da novidade e se parece útil para a sua vida financeira. 😉

ilustração neon mulher cuidando do dinheiro com app

Cuide bem do seu dinheiro. Experimente o app Neon!

download app neon android
download app neon ios

Comentários