Logo_neon-degrade
ABRA SUA CONTA

Autenticação de dois fatores: como esse procedimento protege você?

Time Neon

A autenticação de dois fatores é mais uma barreira de segurança que protege suas contas de qualquer acesso não autorizado.

Infelizmente, com o aumento absurdo de ataques hackers, vazamentos de dados e cibercrimes, ter uma senha não é mais suficiente.

Por isso, foi criada uma camada extra de proteção para impedir a invasão de contas de e-mail, bancos, redes sociais e outros serviços que contêm suas informações pessoais.

Assim, mesmo que alguém descubra sua senha, terá que passar por mais um fator de confirmação de identidade para fazer login no seu lugar.

Acompanhe os tópicos a seguir e saiba como usar esse recurso a seu favor:

 

Quer saber mais?

Siga a leitura e proteja suas contas de qualquer tentativa de golpe.

O que é autenticação de dois fatores? ✔️

A autenticação de dois fatores, também chamada de autenticação ou verificação em duas etapas, é um recurso de segurança utilizado por serviços online que acrescenta uma camada extra de proteção ao seu processo de login.

Na hora de fazer seu login no sistema e se autenticar, você deverá usar dois tipos de informação:

  • Algo que você sabe: a clássica senha ou PIN;
  • Algo que você tem: smartphone para receber um código de verificação (via SMS, ligação ou WhatsApp), cartão bancário, token, chave de acesso, pendrive, aplicativo autenticador de terceiros, etc.

 

Há ainda um terceiro tipo de informação que é aquela considerada inseparável do usuário, como a digital (biometria), a voz e o próprio rosto (reconhecimento facial).

De qualquer forma, a autenticação de dois fatores recebe esse nome porque usa duas camadas de segurança no login.

A primeira é quase sempre a senha e a segunda pode ser qualquer um dos fatores que citamos acima.

Assim, você precisa de duas informações fundamentais para comprovar sua identidade.

Se uma delas for perdida, roubada ou usada incorretamente, a outra estará lá para proteger sua conta e evitar que você sofra uma invasão.

Alguns exemplos de serviços que utilizam esse recurso são o internet banking e caixas eletrônicos da rede bancária, aplicativos bancários, contas de e-mail, contas de serviços de armazenamento em nuvem, e contas de redes sociais e apps de mensagens.

Para que serve a autenticação de dois fatores

A autenticação de dois fatores serve para aumentar a segurança das contas pessoais online e evitar as temidas invasões e roubos de informações privadas.

Como são exigidos dois fatores — um que você sabe e outro que você possui —, fica muito mais difícil alguém se passar por você e acessar sua conta, já que somente a senha ou PIN não é suficiente.

Mesmo que sua senha vaze e vá parar nas mãos erradas, dificilmente o criminoso conseguirá acessar sua conta se houver mais uma etapa de verificação, que pode ser um código enviado para o seu celular, um token ou uma chave extra.

Logo, a verificação de dois fatores protege seu e-mail, conta bancária, conta das redes sociais e outros sistemas que contêm informações valiosas.

Importância do duplo fator de autenticação

O duplo fator de autenticação é fundamental para proteger informações pessoais e reduzir a incidência de cibercrimes.

Isso porque o roubo e vazamento de senhas são eventos muito comuns na internet, e a maioria dos usuários não está preparado para lidar com as ciberameaças.

Uma pesquisa realizada pela Kaspersky Lab com usuários de todo o mundo mostrou que mais da metade das pessoas usa métodos nada confiáveis para se lembrar de suas senhas.

Para você ter uma ideia, 22% anotam as senhas no bloco de notas do computador e 11% em um papel que fica na gaveta da escrivaninha.

Outro dado preocupante é que 71% das pessoas acessam suas contas, compram online e fazem transações bancárias em redes de Wi-Fi públicas — um comportamento de alto risco na internet.

Além disso, pouquíssimas pessoas têm o hábito de utilizar gerenciadores de senhas, ferramentas que permitem organizar senhas com segurança e adicionar recursos de criptografia.

As pessoas também têm dificuldade para criar senhas fortes, o que levou muitos sistemas a adotarem exigências em relação às palavras usadas (uso de caracteres especiais, letras maiúsculas, números, etc.).

A pesquisa ainda mostra que as contas mais atacadas por hackers são as de e-mail (44%), redes sociais (42%), contas de lojas online (24%) e contas bancárias (22%).

Mas, mesmo que você crie senhas indecifráveis, use os melhores gerenciadores e proteja sua conexão, ainda há riscos. Afinal, os vazamentos de senhas são constantes e cada vez mais graves.

Um exemplo é o caso do vazamento de dados e senhas de usuários de 18 mil apps para Android e iPhone que usam nuvens públicas, expondo as informações de milhões de usuários em todo mundo.

E isso porque são serviços considerados altamente confiáveis! Ou seja, a autenticação de dois fatores é indispensável e, apesar de não ser 100% à prova de falhas, evita muitos golpes, invasões de conta e fraudes na internet.

Como funciona a autenticação de dois fatores

A autenticação de dois fatores funciona de forma simples: você sempre terá que preencher uma segunda informação após digitar seu login e senha para acessar o site ou app no qual ela foi habilitada.

Como vimos, essa informação pode ser um código numérico enviado para seu celular por SMS ou ligação, uma notificação push, um token bancário, ou até mesmo a autenticação baseada em voz, biometria ou reconhecimento facial nos sistemas mais avançados.

Um exemplo clássico de verificação dupla é o caixa eletrônico dos bancos, que exige o cartão (algo que você tem) mais a senha (algo que você sabe) para a realização das operações.

Outro exemplo é a verificação em duas etapas do WhatsApp, que acrescenta um PIN de seis dígitos como segurança extra.

Quando você habilita esse serviço em qualquer conta, só conseguirá acessá-la se preencher os dois fatores solicitados.

Onde usar a segurança em duas etapas

Agora que você entendeu melhor o que é autenticação de dois fatores, está na hora de usar esse recurso para proteger suas contas.

Veja onde é importante habilitar a camada extra de segurança.

E-mail

O campeão de tentativas de invasão ainda é o e-mail, que hoje contém boa parte das suas informações pessoais e é um dos alvos preferidos dos hackers e golpistas.

Então, é muito importante habilitar a autenticação de duplo fator na sua conta do Gmail, Outlook, Yahoo, entre outros serviços.

Conta bancária

Geralmente, os bancos, bancos digitais e fintechs já têm a autenticação de dois fatores como requisito obrigatório para o acesso à conta e realização de transações.

Afinal, qualquer acesso não autorizado significa um enorme prejuízo para o cliente.

A maioria das instituições oferece tokens e recursos de biometria que precisam ser utilizados em conjunto com a senha para a liberação dos serviços do internet banking e do aplicativo.

A Neon, por exemplo, oferece tokens para validação no app e autenticação por selfie e por digital — um dos sistemas mais seguros do mercado!

Veja como abrir a conta Neon no celular e usar esses recursos.

Redes sociais

Também é fundamental proteger suas redes sociais com uma camada extra de segurança de dados.

Isso porque os hackers invadem frequentemente contas dessas redes e podem roubar dados sigilosos, usar a conta para praticar crimes, exigir dinheiro para não apagar informações ou mesmo chantagear você.

O recurso está disponível nas redes mais populares como Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn, mas precisa ser habilitado pelo usuário.

Apps de mensagens

Os apps de mensagens instantâneas como WhatsApp e Instagram também são alvos constantes de invasões.

Em um dos golpes mais comuns, o criminoso se passa por você para pedir dinheiro a amigos e familiares alegando uma urgência.

Outro golpe se baseia justamente no envio de uma mensagem solicitando a desativação da autenticação de duplo fator pelo criminoso que descobriu sua senha, com o objetivo de eliminar a última barreira de segurança e invadir sua conta.

Por isso, não se esqueça de ativar a autenticação de dois fatores em todos os apps que você usa para se comunicar com as pessoas no dia a dia.

Confira como se proteger de golpes no WhatsApp.

Lojas online

Se você tem várias contas em lojas online e ainda tem o costume de usar senhas parecidas, é melhor tomar cuidado.

Já imaginou se alguém invade uma conta e consegue fazer uma compra em seu nome?

Na dúvida, ative a verificação de fator duplo sempre que possível.

Contas de armazenamento

Muita gente guarda a vida inteira em serviços de armazenamento na nuvem como Google Drive e iCloud, mas não se preocupa com o risco de invasão dessas contas.

Se você sente um calafrio só de imaginar alguém acessando seus arquivos pessoais, ative agora a autenticação por dois fatores em qualquer serviço desse tipo.

Apps de gestão e produtividade

Por fim, não se esqueça daqueles apps de gestão e produtividade que você usa no dia a dia e estão cheios de informações confidenciais.

Alguns exemplos são apps de organização financeira pessoal, gestão do tempo e controle de tarefas.

Como ativar a autenticação de dois fatores

O procedimento para ativar a autenticação de dois fatores costuma ser muito simples.

Na maioria dos serviços, você vai fazer um caminho parecido com este:

  1. Acessar sua conta;
  2. Escolher a opção de “Segurança e Login”, “Privacidade e Segurança”, “Verificação em duas etapas” ou semelhante nas configurações;
  3. Digitar sua senha novamente;
  4. Escolher o segundo fator de autenticação (código no smartphone, app de verificação, notificação, PIN, biometria, chave, etc.);
  5. Confirmar o fator escolhido;
  6. Fazer login novamente com a verificação de dois fatores.

 

E pronto! Com esse processo simples, você garante proteção em dobro para suas contas.

Para finalizar, preste atenção nestes pontos para não cair em golpes:

  • Nunca, jamais, em hipótese alguma forneça seu segundo fator de autenticação a terceiros;
  • Se você receber seu código de verificação ou outro fator por e-mail ou SMS sem ter solicitado, troque sua senha imediatamente, pois ela pode ter sido descoberta por um criminoso;
  • Ignore qualquer mensagem solicitando a desativação da sua autenticação dupla em um serviço, pois é um golpe muito comum atualmente.

 

E então, está convencido a ativar a autenticação de dois fatores? Conta para a gente nos comentários se você já conhecia esse recurso de segurança. 😉

ilustração neon mulher cuidando do dinheiro com app

Cuide bem do seu dinheiro. Experimente o app Neon!

download app neon android
download app neon ios

Comentários