Logo_neon-degrade
ABRA SUA CONTA

Como se livrar das dívidas de cartão de crédito em 5 passos

Mariana Lima

É material escolar, compras do supermercado, roupas novas, remédios... Você é do tipo de pessoa que compra tudo no cartão de crédito? Uma parcelinha aqui e outra lá pode te trazer um monte de dívidas inesperadas.

O cartão de crédito é uma forma de pagamento que precisa ser usada com cautela e responsabilidade. Isso porque é comum as pessoas acreditarem que esse tipo de pagamento funciona como um “dinheiro a mais”, o que não é verdade.

Quando você usa o cartão de crédito pensando assim, há mais chances de se endividar. No fim do mês, a quantidade de dinheiro que você tem continua a mesma, só que com dívidas a mais do cartão.

Se na data de pagamento da fatura você não tiver o dinheiro para o pagamento, as dívidas vão se acumulando. E nada pior do que pagar juros de cartão de crédito e ter que fazer renegociação de dívida, né?

Caso você tem extrapolado na quantidade de parcelamento de compras, não se preocupe. Vamos te ajudar a se organizar financeiramente e manter a sua conta no azul!

5 dicas para reorganizar as contas e se livrar das dívidas do cartão de crédito

1. Pare de usar o cartão

Pare de criar dívidas. Nesse momento, você precisa se reorganizar e novas contas não vão te ajudar nisso. Por isso, deixe o cartão de crédito guardado, longe da sua vista.

Também não tente emitir novos cartões de crédito. É possível que se crie uma “bola de neve” com a quantidade de parcelas e dívidas em diferentes cartões, o que deixará a sua vida mais complicada.

Caso você não consiga, limite ao máximo o uso do cartão apenas em emergências e procure urgentemente pagar as dívidas e começar a guardar dinheiro.

2. Organize as contas

Você tem todas as contas anotadas em algum lugar? Isso é importantíssimo para a sua saúde financeira.

Use uma planilha de gastos para fazer acompanhamento das suas contas. Lá, você precisa colocar exatamente o quanto ganhou no mês e descrever cada um dos seus gastos no período, inclusive as dívidas.

Os clientes Neon conseguem acompanhar os seus gastos detalhados e em tempo real no saldo inteligente do app. Se você ainda não é cliente, pode abrir a sua conta com a gente aqui!

ABRA A SUA CONTA NA NEON

Os leitores do FocaNoDinheiro também podem adquirir uma planilha de gastos mensais gratuita. Você pode baixar ela aqui! 😉

3. Reavalie as taxas

Já tentou negociar com o banco o valor das dívidas? Se você não conseguir um desconto que caiba no seu bolso, avalie trocar a dívida por outra menos pesada para o seu orçamento.

Verifique no mercado se há opções de empréstimo pessoal com taxas mais amigáveis do que as do seu cartão de crédito.

Se a nova taxa for mais baixa e com condições melhores, considere pedir um empréstimo e pagar a dívida do cartão de crédito.

Atenção: se essa opção for melhor para o seu bolso, nada de criar mais dívidas no cartão de crédito, viu? A ideia é você se reorganizar financeiramente e isso só vai acontecer se usar o cartão de crédito com responsabilidade.

4. Comece a guardar dinheiro

Cuidar bem do seu dinheiro também significa ter dinheiro guardado.

Muitas vezes, criamos dívidas no cartão de crédito porque não temos uma reserva de emergência para segurar as contas quando acontece um imprevisto.

Para evitar que isso aconteça, comece agora mesmo a guardar dinheiro. E não precisa esperar ganhar na Mega-Sena e ficar rico para ter uma saúde financeira estável.

Fazendo o Desafio das 52 Semanas, por exemplo, você começa guardando a partir de R$ 1. Depois de um ano, você já tem o dinheiro suficiente para fazer uma viagem ou investir em um curso importante.

Com esse desafio, você cria o hábito de poupar começando com pouco. Sem pesar no bolso 😊

Quer saber mais como funciona o Desafio das 52 semanas? Veja aqui!

Se você já quer começar a cuidar bem do seu dinheiro, pegue todo o material necessário para fazer o Desafio das 52 Semanas! É de graça 😉

5. Invista seu dinheiro

É preciso acabar com a ideia de que só gente muito rica tem dinheiro investido.

Clientes Neon conseguem investir dinheiro a partir de R$ 10! É só comprar CDB Neon direto do app. Ele rende mais que a poupança e pode ser sacado quando você precisar.

Depois que começar a juntar e criar sua reserva de emergência, deixe esse dinheiro trabalhando para você. Quanto mais juntar, mais retorno vai ter. Demais, né?

 

Gostou das dicas? Conta pra gente se você já controla direitinho o uso do seu cartão de crédito.

Leia mais:

+ Auxílio emergencial: como transferir o valor para a sua conta Neon

+ Como fazer render o valor do benefício do auxílio emergencial

+ 5 dicas para te ajudar a se recolocar no mercado de trabalho

Comentários