Logo_neon-degrade
ABRA SUA CONTA

O que é o rotativo do cartão de crédito e o que fazer para evitá-lo?

Time Neon

Atualizado em 26 de fevereiro de 2021

Quem nunca se atrapalhou com o rotativo do cartão de crédito que atire a primeira pedra. Se você jogou uma pedrinha, parabéns! Mas é muito comum os meros mortais se enrolarem com o danado do cartão de crédito.

Até a mais leiga das criaturas conhece a fama dos juros do cartão de crédito, tidos entre os mais salgados do mercado. E o pior é que ele é um dos principais violões das finanças dos brasileiros.

Segundo a Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic Nacional), 66,5% famílias afirmaram estar endividadas em maio de 2020. Destas, 76,7% alegaram que o maior responsável por isso era o cartão de crédito.

Ou seja, é preciso muito cuidado e, acima de tudo, usar o cartão de crédito com responsabilidade. A gente até entende que a tentação é grande, quando fica cara a cara com um objeto de desejo.

Na hora da compra, só alegria. E, realmente, a possibilidade de comprar a crédito e pagar em 30 ou 40 dias é uma grande vantagem. O ponto é que o cartão pode ser um aliado, desde que se saiba usá-lo. Vamos falar mais sobre isso?

Para te ajudar com esse assunto, aqui vamos mostrar:

 

Preparado para entender melhor como funciona o rotativo do cartão de crédito e como passar a usar o “dinheiro de plástico” com mais consciência?

Então vem com a gente!

O que é o rotativo do cartão de crédito

O rotativo do cartão de crédito é o juro cobrando quando você não consegue arcar com o valor integral da fatura até a data de vencimento.

Existe a possibilidade de fazer o pagamento mínimo para que o seu nome não fique inadimplente, que equivale a 15% do total, mas o restante do valor entra no crédito rotativo.

Esse pagamento mínimo é composto, além dos 15% do total de compras da fatura atual, por 100% do saldo devedor de faturas anteriores, além do valor integral de juros e mora, multas de atraso, IOF e parcelas de contratos de parcelamento de faturas anteriores.

Então, digamos que você tinha uma fatura de R$ 100 e pagou R$ 15 só para não ficar inadimplente. Os R$ 85 não pagos entram no rotativo e na próxima fatura sofrerão a incidência dos juros, sem contar que você ainda precisará arcar com o valor da nova fatura, por isso a bola de neve.

O perigo dessa taxa é que ela vai aumentando a cada fatura e, em casos extremos, pode levar uma pessoa a problemas piores, como não ter condição alguma de arcar a dívida criada.

Veja aqui 11 dicas para acabar com o ciclo de dívidas com o cartão de crédito.

Para se ter uma ideia do tamanho do problema, o juro médio do rotativo do cartão de crédito para pessoas físicas alcançou mais de 300% ao ano em janeiro de 2021, segundo divulgado pelo Banco Central.

Essa taxa muda todos os meses e sempre é anunciada pelo Banco Central.

Novas regras do rotativo do cartão

Desde 2017, só é possível usar o crédito rotativo uma vez por mês. Ou seja, hoje não é mais permitido que uma pessoa fique mais de 30 dias usando o crédito rotativo.

Após esse período, as instituições bancárias são obrigadas a entrar em contato com o cliente oferendo opções com taxas mais vantajosas, como o parcelamento da fatura.

Você sabe quais são todas as taxas de cartão de crédito que você paga? Descubra aqui.

É melhor pagar o mínimo do cartão ou parcelar a fatura?

Como mencionamos acima, caso você não consiga arcar com o valor integral da fatura do cartão de crédito, o ideal é parcelar o valor para não cair no rotativo, já que os juros são mais baixos.

Se você precisar parcelar a fatura do cartão de crédito, aqui na Neon cada cliente tem disponível uma taxa e um número de parcelas de acordo com o seu perfil financeiro.

Ou seja, você consegue tarifas mais vantajosas e pode fazer simulações direto no app Neon para escolher a melhor opção para você.

Confira como parcelar a fatura do cartão de crédito Neon passo a passo.

Gostou? Você pode abrir a conta pela internet agora mesmo e ter acesso a todos os benefícios da Neon!

ABRA SUA CONTA NEON

5 dicas para tornar seu cartão de crédito um aliado e não entrar no rotativo

O cartão de crédito tem uma série de benefícios, o importante é usá-lo com responsabilidade e manter o controle sobre suas finanças.

Para isso, você deve ter atenção a alguns pontos.

1. Tenha o hábito de organizar as suas finanças

O primeiro passo para você ter mais controle sobre o seu cartão de crédito é organizar as suas finanças.

Você deve ter clareza sobre qual é a sua renda mensal, quais são todas as suas despesas variáveis e fixas, e quais são os gastos supérfluos que podem ser cortados para que você consiga acabar de vez com os gastos altos com o cartão.

 

baixar ebook organização financeira do zero

 

Para isso, você pode usar uma planilha de gastos e começar a controlar cada centavo que sai da sua conta, principalmente os gastos com o cartão de crédito.

Quer uma boa notícia? Nós temos duas planilhas gratuitas prontas para serem usadas, é só baixar a versão que funciona melhor para você.

BAIXAR PLANILHA COMPLETA

BAIXAR PLANILHA SIMPLIFICADA

2. Atenção à data ideal para comprar

O banco sinaliza uma data ideal para fazer compras. Ao se programar para comprar nesse dia, você terá até 40 dias para pagar e, se for o caso, juntar o valor da fatura.

3. Cuidado na escolha do dia do vencimento

A data de vencimento deve ser próxima ao dia em que o seu salário ou pagamento por trabalhos, no caso do autônomo, entra na conta. Assim, você honra com o compromisso, sem comprometer o orçamento.

Aqui explicamos qual é o melhor dia para pagar a fatura do cartão, confira.

4. Use seus pontos e programas de milhagem

Informe-se sobre os programas oferecidos pela instituição financeira. Dá para transformar a pontuação em passagens aéreas, pacotes turísticos, obter descontos em lojas, ingressos para filmes e espetáculos, produtos e recarga de celular, por exemplo.

Você também pode optar por receber descontos no valor da fatura ou na anuidade do cartão, caso o seu cartão cobre por isso. É questão de falar com o gerente e escolher os melhores benefícios para o seu caso.

5. Tenha um cartão de crédito sem tarifas

Você sabia que o cartão de crédito Neon não tem anuidade, mensalidade e nem tarifas? Ou seja, você só paga aquilo que realmente usar e não precisa se preocupar com juros abusivos.

Além disso, caso você queira dá para colocar a fatura do cartão no débito automático da sua conta Neon.

E mais: também temos um cartão virtual que você pode usar para fazer compras online e usar serviços como Spotify, Netflix, Uber e iFood com mais segurança, pois todos os seus dados ficam seguros no app.

O valor da compra vai para a sua fatura e você pode parcelar conforme as opções da loja.

 

Viu como é possível fazer um bom uso do cartão de crédito? Porém, se mesmo assim você acabar entrando no rotativo, fique o menor tempo possível nele.

De qualquer forma, lembre-se de que sempre há a possibilidade de parcelar a fatura e arcar com juros menores.

Aproveite também para conferir quais são os principais erros no uso do cartão de crédito.

 

O que achou das informações sobre o que é o rotativo do cartão de crédito e como essa cobrança funciona? Conta para a gente nos comentários!

Comentários