Logo_neon-degrade
ABRA SUA CONTA

Parar de fumar e começar a juntar dinheiro? Dá sim! Saiba como o Jon fez

Luiza Bortolatto

A verdade é que, mesmo que a gente pare pra prestar atenção, nem sempre conseguimos medir o impacto que nossas atitudes têm. Mudar um hábito não é fácil, mas é possível, e é inspirador ver pessoas que passam por algo parecido com o que passamos e conseguem dar a volta por cima. Vamos contar a história de um dos nossos clientes, que parou de fumar e começou a poupar o dinheiro que antes era gasto em maços e, agora, é investido!

Jonatan é um dos participantes do grupo do nosso Desafio das 52 Semanas. Ele mora em Belo Horizonte, é cosmetólogo (ligado ao desenvolvimento de cosméticos) e atua também em um salão de beleza. 

“Fiquei sabendo do grupo há muito tempo, quando começaram a fazer post falando sobre o Desafio, que começaria em janeiro. Aí já comecei a pesquisar sobre educação financeira, blogs, canais e decidi poupar dinheiro.”  - Jonatan  

Antes, o salário acabava na metade do mês 

Mesmo não achando que seu salário seja baixo, muitas vezes chegou a metade do mês e ele já tinha gasto todo salário. Na metade de abril, Jonatan se deu conta de que estava sem dinheiro, e por não ter sobrado nada, não participava do Desafio das 52 Semanas e só acompanhava os posts de todos. 

O primeiro passo foi identificar os “hábitos financeiramente tóxicos” do dia a dia, expressão criada por ele. Nessa mudança de hábitos, descobriu que gastava, em média, R$ 1.000 por mês em cerveja e cigarro (o que correspondia a quase um quarto do seu salário). E isso o fez relembrar quantas vezes nesse período como fumante já tentou parar, sem sucesso. 

“Aprendi nas minhas leituras, e com vocês, que a questão não é simplesmente poupar. É criar o hábito, incorporar isso no dia a dia.” 

Jonatan está há duas semanas sem fumar. E a boa notícia? Toda vez que sente vontade de comprar cigarros, abre a conta e vê seu dinheiro rendendo 

Segurando até a hora que fecha a padaria 

“Eu abria o aplicativo, via meu dinheiro e falava ‘vamos segurar até 22h?’ Porque 22h fecha a padaria, aí não tem mais como comprar cigarro e posso guardar o dinheiro. Então todo dia quando fecha a padaria e não consigo comprar cigarro, vou nos investimentos e coloco 10 reais.” 

Isso se tornou parte da sua rotina e ajudou a controlar sua ansiedade e vontade de fumar. Ele também disse que sabe que ao longo dos três anos como fumante, poderia ter guardado mais de R$ 10.000. 

parar-fumar-juntar-dinheiro

“Fez toda a diferença na minha vida, porque nunca levei muito a sério o fato das pessoas falarem pra você criar um novo hábito e se regrar. Então, toda noite eu chego em casa e guardo o dinheiro ali. Virou automático, nem preciso mais me cobrar. É algo que quero levar pra vida, tanto o Desafio das 52 Semanas quanto parar de fumar.” 

Mais saúde e mais dinheiro 

Ao mesmo tempo que parou de fumar, começou o nosso Desafio das 52 semanas, com R$ 1. Seu próximo passo é controlar as contas (ele até comentou que quer comprar um quadro ou uma agenda para começar a se planejar) e, depois que essa etapa for concluída, vai criar um fundo de emergência. Esse é só um resumo de sua lista de planos... 💙 E o grande objetivo? Abrir seu salão e sua própria marca de cosméticos! 

Jonatan tem 31 anos e é cliente da Neon já faz um tempo! Sua publicação no grupo do Desafio, falando sobre parar de fumar, foi feita para motivar outros integrantes. Os comentários e mensagens privadas que recebeu deixaram ele surpreso e inspirado, incentivando que ele continue dividindo os próximos passos de sua educação financeira. Tudo começou com o cigarro, e tem muito mais pela frente! Foi o empurrãozinho que ele esperava pra se reeducar, em todos os aspectos.  

E aí, como tem sido sua experiência financeira? Se você, assim como o Jonatan, tem alguma história sobre mudar seus hábitos financeiros, manda pra gente!  

Comentários

Faz a diferença na sua vida